Home / Filmes / Ultimas Criticas / JOGOS MORTAIS: JIGSAW (2017)

JOGOS MORTAIS: JIGSAW (2017)

JOGOS MORTAIS: JIGSAW (2017)

Há alguns anos quando foi lançado Jogos Mortais: O Final, pensamos que tudo se encerraria ali. Era o que parecia, devido ao seu grande final. Claro que falando de grandes franquias sempre podemos esperar coisas novas, por mais que passem alguns anos. E foi isso mesmo, depois de 7 anos um novo filme foi feito para os fãs matarem a saudade e ele estreia agora dia 30.

Uma investigação paralela a um novo jogo está acontecendo, mas dessa vez depois de 10 anos da morte de John Kramer (Jigsaw), as pistas levam a crer que ele ainda está vivo.

Na mesma pegada dos anteriores, o filme conta com muitas cenas de tensão e agonia, mas chega a ser mais leve nas cenas de morte. O que vemos nesse possível ‘novo começo’ é uma série de mortes paralelas à investigação de quem está por trás do novo jogo. As suspeitas vão se revelando, colocando pessoas contra outras e gerando várias desconfianças e conflitos.

Resultado de imagem para jigsaw FILME

O filme brinca com a cronologia, confunde o telespectador em algumas cenas e peca quando se trata de justificar como o assassino teve tempo de fazer ‘tal coisa’, sendo que ele estava fazendo outra em ‘tal’ lugar.  Isso faz com que ele pareça um ‘ser onipresente’ que tem os planos mais perfeitos quando se trata de manipulação. Mas isso é justificável, levando em conta que todos os filmes da franquia Jogos Mortais são assim.

O mistério maior é se realmente Jigsaw ainda está vivo, como isso seria possível já que e um dos filmes anteriores mostra claramente a autópsia em seu corpo. A partir desse mistério, aparecem várias teorias que podem explicar o ‘renascimento’ de John, mas quando a verdade é revelada se torna um plot-twist levemente previsível, pois quem conhece os filmes sabe que eles nunca tem um final óbvio. Com o decorrer das tramas, vamos perdendo o elemento surpresa, pois as reviravoltas vão se reciclando.

Dessa vez 5 pessoas estão lutando pelas suas vidas em mais uma armadilha de Jigsaw, a grande sacada mais uma vez é descobrir quem está por trás delas e porquê. Se agora teremos mais filmes renovando a franquia eu não sei, mas o final deixa sim um gancho para uma possível continuação.

 

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ARTIGOS RECENTES

Star Wars – Timothy Zahn faz a alegria dos fãs em noite de autógrafos

Antes de seguir para a Comic Com Experience em São Paulo, o consagrado autor da famosa Trilogia de Thrawn, Timothy Zahn, passou por Curitiba para uma noite de autógrafos e um bate-papo com os fãs durante o lançamento de Star Wars – A Última Ordem. Em meio a toda a ansiedade dos fãs para a estreia […]

Leia Mais

JediCon PR – A Força está com os Nerds

No último dia 12, Curitiba recebeu a sétima edição da JediCon PR, um evento nerd, focado na épica franquia cinematográfica de Star Wars. Esta edição da convenção foi a maior já realizada na cidade, superando em muito a previsão de público. O evento, organizado pelo Conselho Jedi Paraná em parceria com nós da NerdNation, reuniu […]

Leia Mais

Primeiras impressões – Star Wars: O Despertar da Força

É sempre muito difícil repaginar um verdadeiro clássico como Star Wars, fazer um filme que agrade fãs antigos e que ainda alcance toda uma nova geração não é uma tarefa fácil. Entretanto a Disney conseguiu o inimaginável, fazendo do filme mais esperado do ano algo muito mais épico do que poderíamos imaginar. A trama simples, […]

Leia Mais

ANIVERSARIANTES DO MÊS: ISAAC ASIMOV E J.R.R TOLKIEN

Logo no começo de janeiro duas figuras importantíssimas para a cultura pop e o mundo fazem aniversário. No dia 2 de janeiro, Isaac Asimov e dia 3 de janeiro ninguém menos que J.R.R Tolkien. Nós da NerdNation resolvemos homenagear esses gênios, e, claro que você já deve ter escutado falar sobre eles (ou pelo menos um deles), mas […]

Leia Mais